Esposa fodendo com outro

Categoria: 

Larissa e eu sempre fomos muito ativos enquanto namorados, toda hora era perfeita para foder gostoso ou fazer amorzinho apaixonado. Eu sempre gostei de imaginar minha mulher fodendo com outros caras, isso por que ela é linda e fode gostoso e essa ideia de pensar nela com outros caras me deixava sempre de pau duro. No inicio foi dificil fazer ela entender esse gosto, mas com o passar do tempo, ela foi entendendo e gostando da ideia, a ponto de criarmos inclusive um perfil no sexlog para procurarmos parceiros para essa Aventura. Procuramos bastante, fizemos vários contatos e vimos muitas rolas que excitavam minha mulher, mas nenhum foi adiante. Com a chegada do nosso casamento, deixamos o assunto um pouco de lado para arrumarmos os preparativos. Depois que casamos, passaram alguns dias e voltamos a falar no assunto, olhando algumas outras opções de caras do jeito que ela gosta, ou seja, bonitos, com pau grande e cabeçudo. Alguns interessaram mas as conversas não evoluiam, sempre que ela tentava marcar algo com alguém, algo não dava certo. Ela queria, numa primeira vez com outro cara, que eu estivesse junto, por medo, insegurança ou sei lá o que, e pra mim tudo bem, queria ver ela fodendo, com ou sem eu junto. Numa noite, quando cheguei em casa, dei um beijinho na minha mulher como de costume e notei que dessa vez ela estava perfumada e com uma lingerie sexy, ou seja, tava querendo… nos beijamos de forma ardente e fodemos muito gostoso como sempre fazemos. Ela estava bem safada, mais do que nos outros dias (isso pq normalmente ela já é muuuuuuito safada)… ela durante a transa sempre mencionava coisas sobre foder com outro homem, pois sabia que aquilo me excitava durante a foda…fiquei louco com ela falando sobre o quanto queria dar gostoso pra alguns dos caras que falava no sexlog, achei aquele joguinho normal e entrei no clima. Quando gozamos, ficamos juntinhos um pouco, até que perguntei:

- Nossa, vc estava enlouquecida hj hein, alguém em especial te deixou assim ?

- Ahhh meu amor, hoje falei bastante com aquele tal de Erick e com o Gustavo, eles me deixaram bem excitadas com o papo…

- Mas e ai, marcou algo ?

- Não meu amor, como sempre, dificuldades de horário…

- Entendi…

Ela percebeu a frustração na minha voz e disse:

- Calma meu amor, logo logo vc vai ver sua mulher rebolando na rola de outro macho…

Sorri e não falamos mais nada sobre isso, deixei quieto…

No dia seguinte, a rotina seguiu como sempre, mas percebia Larissa super animada e carinhosa comigo, mais do que o normal, adorei a iniciativa e pensei comigo “Quando voltar do serviço vou comer ela gostoso”…mas ela tinha outros planos…

Como de costume, saí as 14h para ir trabalhar e dei um delicioso beijo na minha mulher, daqueles que me deixam de pau duro…fui trabalhar com vontade da minha mulher…

Por volta de umas 20h, recebo uma ligação da minha mulher me perguntando:

- Meu amor, vc está sozinho aí na sua sala ?

- Estou sim meu amor, por que ?

- Nada não, faz um favor, vou fazer uma chamada de video, por favor, atenda…

- Ok, estou esperando…

Achei que ela queria me mostrar algo que as crianças tinham feito, ou alguma comida especial, enfim, esperei e depois de alguns segundos ela faz a tal chamada, atendi e aparecia apenas um close do rosto dela, bem de perto, num ambiente escuro, achei estranho e então perguntei:

- Que foi meu amor ?

- Nada de mais, queria te mostrar uma coisa, advinha onde estou ?

- Não sei meu anjo…

Ela então afastou a cÂmera e vi uma imagem que me gelou inteiro e me excitou na hora…ela estava deitada, com a cabeça entre as pernas de um homem nu e a alguns centimetros do rosto dela, um pau enorme, bem grosso e com a cabeça bem vermelha, ela deu alguns segundos e não falou nada, apenas ajeitou e colocou o pau na boca…chupou bastante a cabeça vermelha, colocava o quanto conseguia na boca, lambia a cabeça, passava a lingua pelo pau, chupava o saco, beijava as coxas do cara e voltava a mamar…ficou uns 3 minutos sem falar mais nada, apenas chupando, até que tirou o pau da boca e falou:

- Meu amor, eu disse que ia te dar esse presente né… seguinte, o Erick vai me comer gostoso agora, Segundo ele, quantas vezes eu aguentar, e vc sabe que eu aguento bastante…kkkkkkkkk… tenho 12h de motel pela frente, então, não vou chegar tão cedo em casa, se der te mando umas fotos ou videos durante, mas pode deixar que chegando em casa te conto tudo com detalhes quando chegar…

- Tá bom minha putinha, se divirta bastante…

- Amore, nesse momento, eu sou a putinha do Erick…

Falou isso e beijou a cabeça do pau dele, chupou mais um pouco e de repente a chamada desligou. Eu não tinha palavras na hora, estava com o coração acelerado e o pau muito duro…nem me concentrar mais no trabalho eu conseguia…só conseguia pensar na minha mulher com o Erick. Passado algum tempo, ela me manda uma foto, na qual estava ajoelhada, chupando o pau dele, embaixo do chuveiro, com a seguinte legenda “Mamando gostoso depois de gozar nesse pau delicioso…”… aquilo me deixou novamente de pau duro, mas não falei nada pois sabia que ela não ia ver nada agora… passado mais um tempo, outra foto, dessa vez uma selfie, tirada por ela, com ele comendo ela de quatro, e eu já corri pro banheiro bater uma de tanto tesão… mais um tempinho, na hora de ir embora pra casa, acabado o serviço, recebo outra mensagem, dessa vez um video no qual Erick fodia Larissa por cima, estilo papai e mamãe, ela com as pernas arreganhadas, os dois com os cabelos e corpos molhados, e ela filmando ele metendo gosotoso…o video devia ter uns 30 segundos, nela ela dizia durante a foda: “…vai meu gostoso, fode essa putinha bem gostoso, enfia esse caralho lá no fundo pro maridinho ver o que dá deixar a mulher com um macho gostoso desses…”… falava putaria e gemia gostoso, eu maluco assistindo…abaixo do video a mensagem: “descansando agora…kkkkk…não deu pra mandar na hora, estava ocupada…kkkkk”. Cheguei em casa e ela ficou um tempão sem mandar nada…já no comecinho da manhã, acordo com outra mensagem dela, com a cara completamente melada de porra e a legenda: “Adoro leitinho de rola…”. Acordei, tomei café e um banho, deitei e adormeci de novo, esperando minha mulher…por volta de umas 07:00 ela entra em casa, visivelmente muito cansada, me dá um longo beijo e diz:

- Vem aqui meu amor, vou te contar tudo o que aconteceu com detalhes…

Larissa deitou na cama, tirou o vestido e me contou a sua noite, assim:

“Lembra que que ontem eu tinha dito que conversei bastante com o Erick ? Pois é, conversei e marquei de sair com ele hj a tarde, por isso que estava tão ansiosa ontem, pois sabia que iria rolar. Então, coloquei um vestidinho florido, bem fácil de tirar e aquela lingerie azul que vc comprou para que eu usasse na primeira vez que saísse com algum homem. Nos encontramos no shopping e como ainda era fim de tarde, tomamos um chopp para quebrarmos o gelo, o Erick ficava alisando minhas pernas por debaixo da mesa, mas tomei o cuidado de não beijá-lo nem nada, pois podia ter alguém conhecido no shopping. Depois de dois chopps, resolvemos sair dali e fomos para o meu carro. Ao entramos no carro, finalmente nos beijamos, ele alisava minha nuca e com a outra mão apertava meu seios, e eu segurava o pau dele por cima na calça, já bem duro a essa hora. Decidimos sair dali e ele me disse para irmos a um motel no qual um conhecido dele é dono, pois assim, poderiamos pegar pernoite mesmo no comecinho da noite, no caminho fomos conversando… eu estava muito nervosa mas ele era super calmo e atencioso e foi descontraindo até chegarmos no motel. Quando chegamos, ele abriu a porta do quarto, me pegou pela mão e calmamente me beijou, de forma bem safada, pegando minha bunda, beijando meu pescoço, e eu só conseguia pensar naquele caralho enorme que eu segurava por cima da calça, ele então, tirou meu vestido, me virou de costas e falou:

- Nossa, que delicia, lingerie bonita…

- Meu marido comprou especialmente pra esse dia…

- Bom gusto o dele, linda lingerie e linda mulher…

Disse isso e beijou meu pescoço e calmamente soltou meu sutiã, alisou meu seios por trás e sussussou…

- Deita na cama, safada…

Fiz o que ele me mandou e deitei, ele veio por cima e lentamente beijou meus seios, chupou bastante e muito gostoso, alias, desculpa amore, mas foi a melhor chupada nos seios que já levei na vida. Enfim, chupou bastante e então, beijou minha barriga e foi descendo até chegar na minha calcinha. Ele beijou minhas coxas e lentamente tirou minha calcinha, que estava encharcada. Ele deu um largo sorriso quando viu minha bucetinha toda depilada e caiu de boca nela, chupou minha bucetinha bem gostoso, passava a lingua no grelinho, enfiava lá dentro, lembia o líquido vindo dela…eu estava já quase gozando mas ele tirou a lingua e disse que era minha vez de chupar… nem precisou pedir de novo…ele ficou em pé, tirei sua camisa, alisando seu corpo sarado, tirei a calça e deixei ele só de cueca, preta, box, mandei ele deitar na cama e ele obedeceu. Beijei aquele corpo sarado dele, amore, não fica com ciumes, mas o cara é muito gostoso, alto, 1,90, todo sarado…enfim, tirei a cueca dele e quando vi o pau, nossa, nem consegui disfarçar o sorriso, enorme, grosso, cabeçona vermelha, Segundo ele, 22cm…comecei a chupar aquela maravilha bem lentamente, até que peguei o telefone e te liguei…depois que desligamos, chupei mais um pouco e falei:

- Me fode gostoso com esse caralho enorme…

- A putinha tá preparada ? Tomei um comprimidinho aqui, quero foder a noite toda…

Nossa, minha buceta encharcou ainda mais quando ele disse isso, virei pra ele e disse:

- Agora to ainda mais pronta ainda… Me fode caralho !

Ele colocou a camisinha, me deitou na cama e veio por cima, pincelou aquela tora na minha bucetinha e brincando com meu grelinho…já estava ficando louca, quando menos percebi ele empurrou a rola pra dentro, fechei os olhos e vi estrelas, que delicia… ele então começou a meter, ritmo cadenciado mas sempre com força…nossa, aquela rola me invadia inteirinha, aproveitei e gemi gostoso, até gravei pra vc ouvir (ela disse isso e me mostrou o audio dela gemendo na rola dele)… depois de alguns minutos, ele me colocou de 4 e aí eu fui realmente fodida com força… ele segurava meus quadris e metia a rola com tudo, dessa vez mais rápido, eu então pedi pra ele bater com força na minha bunda, nossa, que delicia ele socava a rola e dava vários tapas bem fortes, eu gemia que nem uma louca, ele então, parou um pouquinho, enrolou a mão no meu cabelo, puxou um pouco e começou a bombar bem rápido e com força, não demorou nada e gozei descontroladamente, espirrando gozo nele e no lençol. Ele entao tirou a camisinha e gozou bastante na minha bunda, deixando ela toda melada… Deitamos na cama, ele por baixo e eu jogada, pelada em cima dele, tentando me recompor daquela foda incrível. Depois de um tempo, fomos pro chuveiro, nos limpar, entramos e ficamos abraçados, nos limpando. Depois de alguns minutos, o pau dele foi ficando duro novamente, não resisti e ajoelhei pra chupar enquanto a água escorria sobre nós. Ele alisava minha nuca e dizia que eu chupava deliciosamente, depois de um tempo ele me pegou pelo cabelo, me levantou, me beijou de forma intensa, me prensou na parede e enfiou o dedo na minha bucetinha, já novamente bem melada. Ficamos um tempo beijando, até que ele levantou uma das minhas pernas, abaixou um pouco seu corpo, encaixou a rola na minha buceta e subiu, enfiando com tudo, me fazendo soltar um gemido. Ele então me beijava, chupava meus seios e metia em pé na minha buceta. Eu já tinha feito isso com o Paulo, vc lembra, já te contei, mas com o Erick era difierente, ele é bem mais alto, o pau entra lá no fundo, nessa hora, foi sem camisinha mesmo, nem lembrei, desculpa…enfim, teve uma hora que ele puxou minha outra perna para a sua cintura, me deixando enrolada na cintura dele, com as costas no box e aquele caralho enorme entrando e saindo, não demorou e gozamos forte, ele encharcou minha bucetinha, que ficou toda melada, nessa hora, falei pra ele:

- Vc me comeu muito gostoso, vou te dar um presente, mas depois te conto o que é…

Tomamos outro banho, eu ria gostoso, afinal, duas gozadas esplêndidas, quase seguidas, estava nas nuvens. Ele então pediu comida para nós, colocamos as roupas intimas e ficamos conversando e comemos um pouco… depois disso, tiramos a roupa e fomos para a hidro, Sentamos lado a lado e conversamos mais um pouco sobre a vida. Ficamos abraçadinhos e ele começou a beijar meu pescoço, não aguentei e me sentei no colo dele, de frente, nos beijávamos, ele chupava meu pescoço e descia pros mamilos e eu já estava doidinha, sentindo o pau dele crescer e pressionar minha bunda, ele então me pediu para sentar na borda da banheira, quando fiz isso ele veio até mim e chupou minha bucetinha, já bem melada, chupou bastante e eu gamia bastante sentindo aquela lingua no meu grelinho, então, saimos da banheira e nem nos secamos, deitamos naquelas caminhas de plástico que tem do lado da hidro em alguns motéis e ficamos nos beijando um pouco, ele então, colocou camisinha e novamente veio por cima de mim, enfiou lentamente e começou a meter mais rápido, fazendo aquele delicioso barulho de saco batendo na bunda, e nós dois ainda molhados, então, fiz aquele filminho pra vc, ia te mandar mas ele falou que não era hora e que queria mesmo me dar uma surra de rola. Ele então meteu com força e fui ficando louca, então, pedi pra sentar na rola dele, minha posição preferida… ele deitou-se na cama, me ajeitei e encaixei o pau na entrada da buceta…fui descendo lentamente e sentindo aquele caralho me preenchendo por completo, nossa que delicia, comecei a rebolar naquele caralho, a subir a descer, rebolar, fiz de tudo, até que não aguentei mais e gozei novamente, gemendo alto, igual uma puta…ele ainda não tinha gozado, saí de cima, ele me colocou de lado, tirou a camisinha e encaixou a rola na minha buceta de lado, então começou a foder com força, enquanto mordia meu pescoço e puxava meu cabelo, ficou um tempinho assim e quando ia gozar deu um tapa forte na minha bunda e me encheu de porra, eu delirei com isso e acabei gozando de novo… nós dois estávamos exaustos e caimos pelados e gozados na cama…fomos até o quarto, deitamos e ele pediu pra descansar um pouco…deitamos lado a lado e acabamos dormindo… Acordei antes dele, tomei uma água e fiquei admirando aquele Deus grego, ali, pelado dormindo na cama, não resisti e fui engatinhando na cama, me ajeitei e comecei a chupar o pau dele, ainda mole…senti o pau dele endurecer pouco a pouco na minha boca, chupei muito, principalmente a cabeçona vermelha, que eu adoro…em poucos segundos, o pau estava duro de novo, então sinto ele se mexendo e acordando lentamente, de repente ele fala:

- Que visão maravilhosa, a casadinha puta me chupando pra acordar…queria acordar todo dia assim…

- Não resisti a esse pau maravilhoso, e quero mais rola…

- Puta safada…

- Adoro quando me chamam assim, sou mesmo, adoro foder, adoro chupar rola e quando o caralho é maravilhoso como esse, eu quero sempre mais…

- Então tira essa calcinha que vai levar mais…

Meu amor, como sou uma putinha safada, obedeci, tirei a calcinha e fiquei de 4 na cama, ele veio por trás e chupou minha bucetinha, do jeito que eu gosto. Então, ele enfiou a lingua no meu cuzinho, nossa, que delicia, ele percebeu minha gemidinha e caiu de lingua no meu anelzinho, chupou gostoso, enfiou um dedinho e enquanto enfiava o dedo no meu cu, chupava minha bucetinha, fiquei alucinada e disse:

- Essa lingua no meu cu, que delicia…

- Deixa eu foder esse rabo…

- Não, hoje não…

- Deixa eu socar minha rola até a putinha gritar de prazer

- Não, no cuzinho não…mas…vamos fazer o seguinte… lembra que te disse que ia te dar um presente quando me comeu em pé ?

- Lembro

- Então, vc vai comer meu cuzinho sim, mas…da próxima vez que sairmos…vai comer meu cuzinho com o marido assistindo…

- Nossa que puta vc hein…

- Sou mesmo, mas pra provar que sou boazinha, deixou vc colocar a cabeça no meu cuzinho agora, só pra eu sentir gostoso, mas sem colocar tudo…

- Tá bom putinha…

Ele então me fez babar um pouco no cabeça do pau para lubrificar e lentamente introduziu a cabeçona no meu rabo…doeu absurdo, aquele pau era imenso e eu só tinha dado o rabo pra vc meu amor, que tem um pau delicioso mas bem menor…ele deixou um pouquinho no meu rabo e quase pedi pra ele enfiar tudo, mas resisti e pedi pra ele tirar, que na hora certa ele poderia comer com força. Ele então tirou, me senti aliviada, mas só por 2 segundos, pq imediatamente depois, ele enfiou a rola com tudo na buceta, sem camisinha mesmo, não tive forças pra dizer não… desse vez, ele parecia um animal e me fodia forte e rápido, batendo com força na minha bunda…eu estava alucinada, parecendo puta mesmo:

- Vai caralho, me fode

- Quer rola sua puta ? Então toma

- Arregaça a buceta da tua puta, deixa ela todinha esfolada pro marido chupar depois

- Vai contar pro marido como teu novo macho te arrebentou na cama ?

- Vou sim, vou contar tudinho pra ele

- Então olha pro lado e dá tchauzinho

Nisso, olhei pro lado e vi que o safado tinha ligado o cellular e ajeitado para filmar nossa foda, fiquei louca e gritei:

- Me fode safado, enche minha buceta de porra, bate na bunda da tua cadela, puxa meu cabelo

Ele batia forte e puxava meu cabelo, gemi forte e gozei com ele metendo de 4, mas ele continuou metendo enquanto eu gozava. Ele deitou na cama e me mandou sentar, sentei no pau dele e ele me jogava pra cima com o corpo, me fazendo quicar no rola dele, quando ele ia gozar, saí de cima, ele me colocou de 4 de novo, novamente enfiou apenas a cabeça da rola no meu cu e gozou dentro do meu rabo, eu é claro, gozei de novo. Fomos novamente pro chuveiro e tomamos mais um banho, ele então disse que já era dia e precisava ir embora, nos vestimos e dei carona pra ele até o seu carro. Ao chegarmos, parei o carro e ficamos conversando:

- Nossa que noite, vc é uma mulher incrivel

- Vc tb é um homem incrivel, gozei demais, nem sei quantas vezes

Ele riu e disse:

- Safada, tb gozei bastante, só teve uma coisa que queria mesmo

- Meu cuzinho né ? kkkkkkk

- Kkkkkk… tb, mas não é isso

- O que é ?

- Queria gozar na tua cara, acho que teu marido ia adorar

Rimos bastante, então virei pra ele e disse:

- Gatinho, eu adoro ganhar leitinho na cara, pq não me dá agora então ?

- Estamos no meio do shopping, de dia

- Esta vazio, 6:30h ainda, ninguem por perto…deixa eu mamar essa rola mais uma vez, pra voltar com cheirinho de porra de macho pro marido sentir

- Quer mesmo ? Então vai puta, chupa meu caralho

Tirou o pau pra fora e chupei muito gostoso, que nem uma puta mesmo, chupava a cabeça, o pau, botava na boca, lambia a cabeça e punhetava com a boca, chupei o saco, deixei o pau bem babado e fui sentindo que ele estava quase lá, ele segurava minha cabeça, puxava meu cabelo e quando senti que ele ia gozar, tirei o pau da boca, fechei o olho e esperei… amore, ele encheu minha carinha de porra, depois tirou a foto que te mandei… tirei a calcinha e limpei o rosto com ela, depois vim embora…”…

Quando Larissa terminou de contar isso, me entregou a calcinha, toda melecada de porra dele…mandei ela colocar do jeito que estava… depois que ela vestiu a calcinha gozada, caí de boca na buceta dela, afastando a calcinha… depois de deixar ela bem molhada, voltei a calcinha pro lugar, tirei e chupei a porra dele misturada com o melzinho dela, fiquei louco, virei ela de quatro e fodi minha puta sem dó, com força, até gozar, o que não demorou pois eu estava em ponto de bala… depois disso, tomamos um banho e dormimos mais um pouco, pelados e juntinhos…